Um case de estratégia: ou como otimizar um nicho de mercado em plena recessão

Embora possa ser considerada fast-food, na rede norte-americana de padarias Panera, a tendência é mais para o slow-food, para o clima de lazer e tertúlia dos antigos cafés parisienses e do sul da Europa. O aspecto dos produtos é excelente e existem sempre dois menus básicos, o da padaria e o do café; e o cliente sempre pode pedir uma das sopas do dia, ou complementar o cafezinho com um delicioso chocolate.

A Panera Bread constitui uma rede que já é um case de sucesso, uma das que mais crescem nos EUA, ultrapassando 1.400 pontos de venda e um valor de mercado em torno de US$ 3 Bi. Com muitas cadeiras confortáveis, wi-fi grátis e aroma de pão quente direto da cozinha, os pontos comerciais Panera não se parecem com os restaurantes, padarias ou lanchonetes de fast-food mais comuns. Talvez por isso é que, durante o pior período da recessão, quando a maior parte das empresas alienava colaboradores e ativos diversos, a Panera crescia em porte e resultados.

Segundo um recente artigo disponível no portal Wharton Knowledge-Universia, o segredo do sucesso da Panera é simples: a rede adotou uma estratégia de nicho, especializando-se em uma oferta sadia, saborosa e de preço acessível, consumida numa atmosfera amigável. Confira em Construindo uma marca com o aroma de comida caseira: como a Panera descobriu o sucesso em meio à crise econômica.

__________

Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s